domingo, 8 de fevereiro de 2009

Sexo Virtual vs Camisinha


Japão, o maior exportador mundial de camisinhas registrou uma queda significativa na venda interna do produto. O motivo, de acordo com especialistas, é o crescimento do sexo virtual, que tem roubado o tempo que antes era destinado a diversões entre quatro paredes. (Mas é tão mais gostoso ao vivo .... )


As vendas, em relação à década de 80, quando foram comercializadas impressionantes 737 milhões de unidades em território japonês, caíram 43%, de acordo com um relatório do Ministério da Saúde do Japão.


Com a velocidade de transmissão, que permite a distribuição rápida de vídeos e fotos e a multiplicação de salas de chat, a pornografia está quase onipresente. Além disso, o custo da conexão é cada vez menor, o que faz com que muitos jovens passem noites inteiras conectados.


A Okamoto industries, a maior fabricante de preservativos, acusa os sites de pornografia de raramente fazer referencia ao preservativo, o que faz com que os jovens ignorem a proteção


Uma alternativa de vencer a crise foi encontrada pela Condonmania, um colorido shopping de camisinhas em Tóquio. A loja produz preservativos diferentes, que atraem os jovens - que se identificam com o produto.


Entre os itens vendidos, além dos coloridos e aromatizados, há preservativos em forma de bala e pirulitos (que evitam um possível constrangimento se caírem das bolsas) e uma linha com fotos do grupo de rock Kiss estampadas na embalagem. Para os mais espirituosos, há as que são embaladas como um kit de primeiros socorros. Com as camisinhas, a empresa tem conseguido driblar a crise e afirma que suas vendas cresceram cerca de 10%.

2 Comments:

Eagle Fly Free said...

Pois é... o Real é bem mais gostoso...

E põe gostoso nisso!

hipolito said...

E eu achei super legal o site da condomania (http://secure.condomania.com/) não conhecia... pena que o frete pro Brasil seja tão caro.... Mas acho que vale a pena..

bjos - Adoro o blog